Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Generalidades

Generalidades

15
Abr23

Casos e casinhos


Vagueando

O título politicamente correto ou não, é uma excelente tag, embora prefira chamar-lhe um perfeito isco.

Pela boca morrem os peixes e, segundo os nutricionistas, os humanos também. Mas ninguém gosta de fechar a boca.

Daí que a célebre frase “ A mim ninguém me cala” de Manuel Alegre e de boca aberta e lábios imóveis, também falamos, segundo José Rodrigues dos Santos no seu livro "A Mulher do Dragão Vermelho", são dois bons exemplos de como não gostamos de fechar a boca, mesmo que entre mosca ou saia asneira.

Mesmo quedos e mudos comunicamos com os olhos, com eles e com ajuda de uma máquina fotográfica, exibimos a forma como vemos o Mundo que nos rodeia.

Retornemos ao título. Casos e casinhos, relevantes ou não, estão na moda.

Que me desculpem os defensores da igualde de género, mas prefiro as casas e casinhas. Ainda assim só quando me dá na gana e a inspiração aparece é que vou à procura das casas e casinhas.

E não é que num raro momento de inspiração descubro em Sintra uma casa que se designa por Casoto.

20230415_175459.jpg

Naquela pedra branca que se vê do lado direito da foto, está escrito “Casoto” e mais acima existe outra casa que foi batizada de “Casota”.

Se a vossa preferência também alinha nas casas e casinhas, vão passando pelo link abaixo onde deixo algumas imagens e, à semelhança do post As Portas, (onde já coloquei mais de 600 portas) vou continuando a alimentar com a minha visão sobre casas e casinhas.

https://photos.app.goo.gl/VXzdQrw9DZg56Vo3A

Boa Viagem

15
Fev23

Deixa-os pousar


Vagueando

A RTP1 exibiu uma série de excelentes programas, tendo como base o livro Viagem a Portugal de José Saramago. O programa foi conduzido pelo humorista brasileiro, Fábio Pochart, conseguiu empolgar os espectadores e mostrar que a cultura não tem que ser pesada nem maçadora.

Quando viajo pelo nosso belo país, muitas vezes me pergunto por que razão se chama assim esta ou aquela vila ou aldeia, pelo que comecei a andar com o livro Viagem a Portugal de José Saramago dentro do carro. Entretanto foi editado um outro livro, da autoria da jornalista Vanessa Fidalgo, cujo título é justamente "Porque se Chama Assim".

Vai daí comprei mais este, que também passou a andar dentro do carro, transformando-se numa biblioteca itinerante de bisbilhotice.

Por causa da foto abaixo, a que dei o título de "Pousa-Pássaros”, lembrei-me de uma frase muito usada pelos portugueses “Deixa-os pousar”. 

20230214_152118.jpg

Desde a tomada da imagem, à busca da legenda, até ao programa do Fábio Pochart, foi um saltinho, porque me lembrei de ele ter falado em Pousafoles do Bispo, que Saramago descreve no livro, como um lugar onde tencionava ir para "saber o que poderá restar de uma terra de ferreiros e ver a janela manuelina que ainda dizem lá existir".

Depois lembrei-me do livro de Vanessa Fidalgo, porque refere a Freguesia do Concelho de Ansião que dá pelo nome de Pousaflores e que anteriormente era conhecida por Pousa Foles.

E daqui até à Freguesia de Pousa, no Distrito de Braga foi outro salto.

De pouso em pouso fui saltando por estes locais até que pousei neste novo post.

Agora devem estar a perguntar; Bem, então depois desta lenga lenga toda vamos ficar a saber a razão destes nomes?

Pois, poderia dar-me a esse trabalho mas o meu objectivo é “vender” a imagem e o post (dizem por aí que uma imagem vale por mil palavras e há por aí muita gente a viver da venda da sua imagem).

Assim recorri a esta técnica de venda, usando como isco, os nomes das aldeias e Freguesias, esperando que a freguesia leitora pouse!

Se vieram pousar aqui ou ficam satisfeitos com a imagem ou, caso contrário,  têm que ir pousar nos livros, eventualmente na Internet para satisfazer a vossa curiosidade sobre as origens dos nomes das terrinhas e da frase deixa-os pousar.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub